Desafio do desapego
| |

 

setembrododesapego

 

Ultimamente ando antenada e pesquisando sobre calendários cíclicos: ciclos esses associados aos elementos da natureza.

São eles: das estações do ano, lunares, solares, femininos, astrológicos, numerológicos etc…

Levo em conta algumas orientações e características desses ciclos para programar e realizar algumas tarefas, tomadas de decisões na minha vida, em meus projetos profissionais e em minha casa. (sem neuras e fanatismo)

Esse mês montei um calendário da casa pontuando alguns cômodos que pretendo organizar e fazer uma seleção de desapegos e descartes.  Uma estratégia para receber a próxima estação a Primavera. Abrindo espaço para o novo.

Calendário da agenda da casa e dos cômodos.

 

Entendam um pouco:

Entramos no  mês de setembro aqui no hemisfério Sul, os ventos sopram para a renovação e o recomeço. Os ventos do inverno estão partindo trazendo o brotar da primavera.

Aproveitando também um ano nove (2+0+1+6), mês nove – setembro (09) a ideia pareceu mais incentivadora ainda. (leia aqui o post numerológico)

 

Desafio:

Todos os anos nessa época do ano realizo uma “limpeza de primavera“. Preparando o ambiente, criando assim uma atmosfera leve, criativa e estável.

Esse ano tive um impulso a mais para o descarte: No blog Avesso do Caos a Alice Santos, propõe que durante o mês de setembro, seja descartado 50 itens.  Anotando e compartilhando quais os sentimentos e percepções desse desapego.

“Quando jogamos fora o lixo material, limpamos nossas mentes. Quando jogamos fora o lixo mental lavamos nossas almas.”

Gail Blanke – Jogue fora 50 coisas

O movimento realizado no material com retirada de excessos e coisas sem uso, interfere diretamente na consciência e comportamento, abrindo e liberando para novas atitudes e ações.

 

” E a movimentação física de retirada de excessos e inutilidades da sua casa se estenderá para uma reflexão ainda maior: quais os comportamentos, atitudes e ações que você precisa mudar em sua vida? Desligar-se de certos trabalhos não rentáveis e de pessoas negativas também pode acontecer com esse processo. E, por mais que isso pareça triste ou negativo, será muito positivo e auspicioso.”

frase do blog: O canto do Feng Shui – mestra Cris Ventura

 

 

Lembrando que o desapego e o descarte é um processo exige renúncias, planejamento, estratégias.

Embora chegue um momento aonde o descarte e a organização acabe, não devemos encarar como pronto acabei, finish!

O local precisa ser revisado de tempos em tempos, evitando assim novamente os acúmulos e a desordem.

 

Convido você a acompanhar a lista de #50itensdodesapego e #setembrododesapego durante todo o mês de setembro, nas redes sociais do Ateliê.

face   No face: @atelienatureza

instagram-esboco-do-logotipo-da-camera_318-56004  No insta: @atelienatureza

snapchat  No snapchat: @atelienatureza

barra-divisoria-by-cecilia-se-roblogar-credite-4

*** FAÇA PARTE DO MAILING EXCLUSIVO DO ATELIÊ – Receba novidades, dicas e brindes exclusivos para os assinantes

Preencha seus dados

 

Casa e Natureza, por Cristiane Meloni © 2016 - Design por Susan Santos e Codificação por Sara Silva